sexta-feira, 8 de junho de 2018
Pesquisa visa traçar perfil Sociodemográfico de profissionais da área que atuam na Execução Penal

 

O grupo de trabalho Psicologia e Sistema Prisional pertencente ao Sistema de Conselhos lançou, no dia 17 de maio, uma série de questões específicas voltadas para profissionais da Psicologia que atuam na execução penal nos poderes Executivo e Judiciário, Ministério Público e Defensoria Pública, em suas esferas federal e estadual. O prazo para preenchimento do questionário expira em 17 de julho.

O questionário pode ser acessado pelo endereço: http://www2.cfp.org.br/consultapublica/2018/prisional/

A pesquisa tem como objetivo levantar a rotina diária dos psicólogos que atuam no sistema, a ação foi desencadeada pelo colegiado da Assembleia das Políticas da Administração e das Finanças (Apaf), e foi estruturada seguindo a  metodologia do Centro de Referência Técnica em Psicologia e Políticas Públicas (Crepop).

Após o levantamento, os dados serão utilizados na elaboração de referências técnicas para atuação de profissionais da área no sistema prisional, permitindo realizar o mapeamento destes profissionais e de posse destas informações subsidiar estratégias do Sistema Conselhos de Psicologia auxiliando no conhecimento da realidade da função, seus dilemas ético-profissionais dentro do sistema.



Outras Notícias